Projeto Brinquedo Educativo é lançado com parceria ITAC

A ideia surgiu em uma viagem de Reginaldo Cechinel, presidente do SINPLASC (Sindicato de Indústrias Plásticas de Santa Catarina), à Alemanha, onde conheceu uma iniciativa parecida. Chegando ao Brasil, o projeto ganhou forma incluindo a concepção do brinquedo, projeto e fabricação do molde e do processamento do polímero. Além de levar atividade lúdica ás crianças que receberão os blocos de montar, o projeto tem uma forte pegada tecnológica, que envolveu os acadêmicos do curso de Engenharia Mecânica da SATC.

As crianças que recebem o brinquedo ficam encantadas com os blocos coloridos, que contém a certificação adequada, emitida pelo ITAC. “Esse projeto é um exemplo de como uma ideia bem concebida e do bem pode congregar homens, mulheres e instituições a favor da sociedade”, destaca o auditor do ITAC, Clider Adriani de Sousa Silva, ao entregar o certificado do Inmetro ao presidente do Sinplasc, Reginaldo Cechinel.

Reginaldo, emocionado com o lançamento do Projeto Brinquedo Educativo, comenta que enxerga o projeto com outros olhos. “Vocês podem ver simples peças para brincar, eu vejo uma forma de ajudarmos a desenvolver a formação educacional de crianças da nossa região, e apoiar diretamente causas da nossa comunidade.“

De acordo com o que diz a professora do Bairro da Juventude, Suelen Nuenberg, as peças auxiliam especialmente no desenvolvimento da criatividade da criança por ser um momento em que eles soltam a imaginação e inventam livremente. Além disso, processos cognitivos como organização, reconhecimento de formas especiais e cores também são estimulados com o brinquedo. “Noções de alto e baixo, quantidade de disposição, formato e cores. Todo o processo de brincar com a peça de encaixe tem importância no progresso mental das criaças”, comenta.

O resultado final do projeto é a entrega gratuita dos brinquedos certificados para creches e escolas das cidades da região. “Tudo isso é fruto dos esforços dos empresários e parceiros no desenvolvimento, que ao longo de mais de três anos estiveram trabalhando no desenvolvimento e certificação dos blocos”, disse Reginaldo.

Para o ITAC é gratificante ter a oportunidade de participar do Projeto, e poder ajudar as crianças a desenvolverem seus níveis de criatividade e inteligência reforça ainda mais o sentimento de satisfação.



Deixe uma resposta